Notícias e Informativos

Informativo do Serviço Social - Dia nacional da Pessoa Idosa

  • Fonte: Assessoria de Comunicação
  • Publicado em: 27/09/2021
  • Assunto: Assistência Social

Responsável pela publicação: Serviço Social de Paraisópolis
Clique aqui e leia na íntegra

O Dia Nacional do Idoso é comemorado dia 27 de setembro. A data foi criada no ano de 1999 e busca chamar a atenção às desigualdades enfrentadas pelos idosos, o descuido da população e do Estado. Apesar dos avanços legais nos últimos anos, o público da terceira idade ainda enfrenta desafios para serem reinseridos na sociedade, dificultando o acesso a direitos básicos e oportunidades no mercado de trabalho.

No ano de 2003 foi publicado o Estatuto do Idoso, Lei que deu amparo legal a todos os idosos do país, sem qualquer distinção. A partir disso, foram criadas medidas de proteção e meios para que os direitos desse público fossem resguardados. O Estatuto do Idoso garante atendimento prioritário em serviços públicos e privados, gratuidade nos transportes públicos para maiores de 65 anos, direito ao exercício de uma atividade profissional que respeite suas condições físicas, assistência social com garantia de um salário mínimo para idosos maiores de 65 anos e que não possuem meios de subsistência, além dos direitos fundamentais como saúde, vida, moradia etc.

Segundo pesquisas recentes, o Brasil enfrenta uma fase de envelhecimento populacional. Desse modo, uma das prioridades do Estado deve ser as políticas públicas voltadas para a terceira idade, visto que a necessidade desse público cresce cada dia mais. Porém, apesar do amparo legal, os idosos ainda enfrentam problemas como preconceito, dificuldades no acesso a um Sistema de Saúde adequado, maus tratos familiares, descaso estatal, entre outros.  As dificuldades enfrentadas pelos idosos é evidente, o que impede o envelhecimento digno para muitos.

Com isso, o surgimento dessa data veio para discutir os atuais problemas e buscar as devidas soluções. Nota-se que o Brasil enfrenta barreiras para a efetivação dos direitos da pessoa idosa, sendo dever de todos garantir meios para que todos tenham uma vida com respeito e dignidade.