Notícias e Informativos

Janeiro Branco – Uma campanha pelo combate e prevenção ao adoecimento mental

  • Fonte: Assessoria de Comunicação
  • Publicado em: 17/01/2022
  • Assunto: Saúde

Clique aqui e saiba mais

Quem Cuida Da Mente, Cuida Da Vida!

Campanha Janeiro Branco consolida-se como a maior Campanha do mundo em prol da Saúde Mental da humanidade.

Por que Janeiro Branco?

Porque, no primeiro mês do ano, em termos simbólicos e culturais, as pessoas estão mais propensas a pensarem em suas vidas, em suas relações sociais, em suas condições de existência, em suas emoções e em seus sentidos existenciais. E, como em uma “folha ou em uma tela em branco”, todas as pessoas podem ser inspiradas a escreverem ou a reescreverem as suas próprias histórias de vida.

A ação deste ano busca promover um pacto pela saúde mental em meio à pandemia do novo coronavírus, cenário que acentuou o sofrimento psíquico na população provocado pelo isolamento social decretado para evitar a disseminação do vírus.

Entretanto, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) advertiu que nem todos os problemas psicológicos e sociais apresentados durante a pandemia poderão ser qualificados como doenças. A maioria será classificada como reações normais diante de uma situação anormal. De acordo com a Agência, as reações comuns diante deste contexto englobam sentimento de impotência e desamparo perante os acontecimentos, solidão, irritabilidade, angústia, tristeza e raiva.

“Muitas vezes cuidamos do corpo físico e esquecemos da importância de tratar das questões subjetivas que podem causar tanto sofrimento, a ponto de trazer consequências danosas ao nosso dia a dia e na relação com as outras pessoas. O janeiro branco é uma campanha que surge para trazer o alerta a todos sobre a importância de falarmos sobre a saúde mental e emocional. Esse aspecto da vida precisa ser considerado desde a infância e não negligenciado”.

O município de Paraisópolis oferece diversos serviços voltados à saúde mental, podendo ser encontrados no setor de saúde mental. A partir da avaliação dos profissionais é definida a conduta terapêutica para as questões apresentadas.

Equipe de Saúde Mental de Paraisópolis – MG.